Cidade dos Etéreos - Ransom Riggs

maio 28, 2017


Quando terminei de ler O lar da srta. Peregrine para crianças peculiares eu estava louca por mais um pouco deste mundo encantador e viciante. E assim que comecei a ler Cidade dos Etéreos percebi que apesar da minha ansiedade eu teria que segurar um pouco as pontas e degustar com calma esta história que estava ainda melhor que no primeiro volume. Riggs fez um trabalho excelente neste livro e conseguiu deixar a leitura ainda mais envolvente aproximando ainda mais os fatos históricos relacionados à 2ª Guerra Mundial.

A história começa exatamente onde parou no primeiro livro, as crianças precisam se esforçar para salvar a srta. Peregrine que está presa na forma de pássaro. O ambiente agora é muito mais aberto que no primeiro livro, eles vão encontrar novos personagens e se aventurar muito mais. As fotografias neste volume são tão bizarras e estranhas quanto as do primeiro livro e, particularmente, eu amo a forma como as fotos se encaixam na história e como cada foto parece contar uma história de seu próprio modo. 

Foi ainda mais interessante ver um pouco mais a fundo os personagens e entender seus modos de encarar a realidade. Neste livro nós conseguimos nos conectar mais a eles e se importar mais, principalmente com os personagens secundários que conseguem um maior destaque.

Cidade dos Etéreos é uma sequência fenomenal e consegue superar o primeiro livro. Apesar de ter algumas falhas, principalmente nas atitudes imaturas dos personagens, é um livro incrivelmente recheado de situações inesperadas e de tirar o fôlego. Riggs definitivamente soube o que estava fazendo e para onde deveria levar os leitores desta história estranhamente mágica e real.

Você também poderá gostar de:

0 comentários

Facebook

Twitter