Rainha Vermelha - Victoria Aveyard

setembro 21, 2015


Primeiramente, queria dizer que mal vejo a hora de ver uma adaptação para este livro. Sério, é como se o filme estivesse passando em minha mente enquanto eu lia e era tudo tão incrível que eu não posso deixar de sonhar e pedir ao universo que isto ocorra e logo. 

Em a Rainha Vermelha, mergulhamos em uma fantasia com elementos distópicos. O mundo está em guerra e desconhecemos o motivo. A população foi divida de acordo com a cor do seu sangue: vermelhos são as pessoas comuns e eles servem os prateados que são a realeza e possuem superpoderes.

Victoria criou um universo totalmente incrível e admirável. O cenário é no futuro e sabemos isso porque há carros, aviões, câmeras e etc. A junção dos elementos fantásticos e distópicos dá um resultado bastante impressionante. Cada família de prateados possui um poder diferente e eu juro que queria ter metade da criatividade da autora.

A escrita da Aveyard é bem fluida e acaba sendo fácil imergir neste mundo. Este é um daqueles livros que você começa a ler e não consegue parar. Os capítulos são relativamente curtos e sempre acabam de uma forma que te faz querer avançar e ler o próximo.


Mare, a protagonista e heroína, é bem destemida, mas é bem ingênua, até mesmo porque ela vai parar no meio dos prateados e não conhece nada. Tudo o que ela quer é o melhor para seu povo, ela sonha em libertá-los e após descobrir que mesmo sendo vermelha ela tem um poder bem forte, suas tomadas de decisões serão todas voltadas para  que surja um mundo melhor e mais justo. Mare, ainda precisa crescer muito na história, se realmente ela terminar como uma rainha, ela deverá se desenvolver ao longo da trilogia. 

Preciso falar que, obviamente, há um triângulo amoroso que não foi nada incômodo ou forçado e, o melhor, há um terceiro pretendente que fica meio que de escanteio, mas é bem importante para a história. Eu realmente gostei da forma como a Victoria colocou o romance no livro. Há muita manipulação e sacrifícios, traições poderia facilmente ser o título do livro. Ninguém é confiável e isto me fez vibrar e arrancar os cabelos em diversas cenas.

Enfim, fiquei muito feliz por não ter me decepcionado com este livro já que desde que este livro foi anunciado lá fora, já começou o burburinho. Sinceramente, eu concordo com tudo o que Rainha Vermelha adquiriu e espero que ele conquista ainda mais leitores! Sendo assim, recomendo muito a leitura deste livro e mal posso esperar para ter em mãos o segundo volume da trilogia.

Informações:
Autora: Victoria Aveyard 
Editora: Seguinte
N° de páginas: 424
Adicione no Skoob!

Você também poderá gostar de:

2 comentários

  1. Esse livro vem dividindo bastante as opiniões dos leitores, ainda não tive a oportunidade. E confesso, estou com um enorme receio de me decepcionar, afinal, o que motivo que te agrada pode ser o mesmo que me decepciona.
    Espero ter opiniões positivas sobre ele. Beijos,

    http://miiheomundoliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Eu estou muito ansiosa para ler esse livro, já li muitas resenhas e todas falam super bem dele *oo*
    Beijão!

    Sorriso Espontâneo

    ResponderExcluir

Facebook

Twitter