Li os primeiros capítulos e...

fevereiro 17, 2015



Uma história comovente sobre amizade, lealdade, esperança e desespero.


Recebi da Editora Novo Conceito um livreto com os seis primeiros capítulos de A Mais Pura Verdade e já estou desesperada para ler o livro em sua totalidade.

Dan Gemeinhart transforma um assunto delicado em uma jornada magnífica e conta a história de Mark, um garoto de doze anos que, apesar de sua doença, vai em busca de seu grande sonho: escalar o Monte Rainier com seu melhor amigo, o cãozinho Beau.

Em sua jornada, Mark enfrenta diversos eventos inesperados e, já nestas primeiras cem páginas, eu sofri e me diverti como se de fato estivesse também nesta aventura. Também fiquei, o tempo todo, completamente absorvida pela história e impressionada com a delicadeza dos poemas haicais colocados estrategicamente no meio do texto.

Mesmo no comecinho, foi perceptível que as pessoas ao longo da caminhada vão mudar a vida de Mark de diversas maneiras e ele, por sua vez, irá transformá-los com a sua honestidade e garra. E essa é a mais pura verdade.

O livro está dividido de uma forma peculiar: os capítulos são intercalados entre a narração em primeira pessoa e em terceira pessoa contando o que está acontecendo na vida dos pais de Mark e de sua melhor amiga, Jéssica. Aliás, preciso falar que o pouquinho de contato que tive com a Jess, já foi o suficiente para me fazer apaixonar por esta personagem. Ela também enfrentará algumas situações intensas e terá que conviver com a dúvida de escolher entre a lealdade perante seu melhor amigo e a coisa certa a se fazer.


A verdade é que, sem dúvida, este vai ser um best-seller e vai tocar a vida das pessoas de todas as idades. Então, descubra você também como A Mais Pura Verdade vai mudar a sua vida.

Você também poderá gostar de:

0 comentários

Facebook

Twitter